. Meu Perfil




BRASIL, Centro-Oeste, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Esportes, Música, Casado, Um filho, mora em Goiânia e SP



.Outros sites

Amigos da Velocidade
Amigos da Truck
Formula Truck
Jovem Pan AM
Blog Dentro e Fora das Pistas
Blog da Indy
Band
VW Fórmula Truck
Blog Velocidade Máxima
Blog do Lívio Oricchio
Blog Memória
Twitter
Orkut
Danilo Dirani
UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis


. Histórico

 
 
 


 
 
  Votação

Dê uma nota para meu blog

 
 

Leia este blog no seu celular

Blog melhor visualizado na resolução 1024 x 768 ou superiores.




Vettel, com folga, é o pole na Hungria

Confira o grid em Hungaroring:

1.Sebastian Vettel - Red Bull, 1min18s773
2. Mark Webber - Red Bull, 1min19s184
3. Fernando Alonso – Ferrari, 1min19s987
4. Felipe Massa - Ferrari, 1min20s331
5. Lewis Hamilton – McLaren, 1min20s499

6. Nico Rosberg – Mercedes, 1min21s082
7. Vitaly Petrov - Renault, 1min21s229
8. Robert Kubica - Renault, 1min21s328

9. Pedro de la Rosa – Sauber, 1min21s411

10. Nico Hulkenberg -  Williams, 1min21s710

11. Jenson Button – McLaren, 1min21s292

12. Rubens Barrichello – Williams, 1min21s331

13. Adrian Sutil - Force India, 1min21s517
14. Michael Schumacher – Mercedes, 1min21s630
15. Sébastien Buemi - Toro Rosso, 1min21s897

16. Vitantonio Liuzzi - Force India, 1min21s927
17. Jaime Alguersuari - Toro Rosso, 1min21s998
18. Kamui Kobayashi – Sauber, 1min22s222
19. Timo Glock - Virgin, 1min24s050
20. Heikki Kovalainen – Lotus, 1min24s120
21. Jarno Trulli - Lotus, 1min24s199
22. Lucas di Grassi – Virgin, 1min25s118
23. Bruno Senna - Hispania, 1min26s391
24. Sakon Yamamoto – Hispania, 1min26s944



 Escrito por Téo José às 10h15 [] [envie esta mensagem] []






Vettel tem o melhor tempo da 6ª-feira

Tempos da segunda sessão em Hungaroring:

1. Sebastian Vettel - Red Bull, 1min20s087
2. Fernando Alonso – Ferrari, 1min20s584
3. Mark Webber - Red Bull, 1min20s597
4. Felipe Massa – Ferrari, 1min20s986
5. Vitaly Petrov – Renault, 1min21s195
6. Lewis Hamilton – McLaren, 1min21s308
7. Robert Kubica – Renault, 1min21s375
8. Nico Hulkenberg – Williams, 1min21s623
9. Jenson Button – McLaren, 1min21s730
10. Michael Schumacher – Mercedes, 1min21s773
11. Pedro de la Rosa – Sauber, 1min21s809
12. Rubens Barrichello – Williams, 1min21s844
13. Nico Rosberg – Mercedes, 1min22s039
14. Kamui Kobayashi – Sauber, 1min22s212
15. Jaime Alguersuari - Toro Rosso, 1min22s469
16. Adrian Sutil - Force India, 1min22s507
17. Sébastien Buemi - Toro Rosso, 1min22s602
18. Vitantonio Liuzzi -  Force India, 1min23s138
19. Jarno Trulli – Lotus, 1min24s553
20. Timo Glock – Virgin, 1min25s376
21. Lucas di Grassi – Virgin, 1min25s669
22. Bruno Senna – Hispania, 1min26s745
23. Sakon Yamamoto – Hispania, 1min26s798
24. Heikki Kovalainen – Lotus, 1min27s705



 Escrito por Téo José às 10h44 [] [envie esta mensagem] []






Ainda o absurdo e as consequências

Li, ouvi e reli atentamente as explicações do Felipe Massa sobre o fato antiesportivo de toda equipe Ferrari, inclusive ele e Alonso, no domingo passado. Entendo sua posição de contratado e estes contratos complexos - principalmente no esporte. Mas para tentar falar algo e não dizer nada, era melhor ficar de boca fechada. Afirmou que se sentir ser o segundo piloto vai parar e deixou no ar que não aceitará mais as ordens da equipe. Leio, também, que só após a quarta ordem para deixar Alonso passar cedeu. Acho estranho porque quando estava três décimos na frente, o seu chefe de equipe disse que o ritmo era bom e que desta forma ele poderia vencer.

No fundo ando bem cheio deste assunto e creio que em breve vão liberar as tais ordens de equipe, tirar a proibição do regulamento. Continuar com esta coisa antiesportiva, mas acabar com a hipocrisia.

Eu fiquei pensando em quem teve atitude melhor depois do fato. Barrichello que se expôs, foi duramente criticado e recebeu o carimbo do torcedor? Ou Massa que se esquivou das respostas e, no fundo, acho que nem ele sabe direito como vai fazer no futuro. E qual será este futuro.

Pelo menos nesta temporada ele é segundo. Ou alguém tem alguma dúvida? Se pediram para dar passagem na 11º prova, porque não de novo nas etapas finais? Sempre admirei a força interior do Massa, sempre o achei um piloto de cabeça forte e até com certa facilidade de mudar uma situação. Mas depois das explicações, acho que o golpe foi muito forte para assimilar. Agora agüente as consequências de um ato em que também participou. Mesmo sendo contrário.

Que ele encontre o melhor caminho, já tem exemplo. E que saiba de todas as consequências, porque também já tem exemplo



 Escrito por Téo José às 10h24 [] [envie esta mensagem] []






Red Bull começa na frente na Hungria

Confira o resultado do primeiro treino livre:

1°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 1min20s976
2°. Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), a 0s130
3°. Robert Kubica (POL/Renault), a 1s096
4°. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 1s468
5°. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), a 1s625
6°. Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari), a 1s788
7°. Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1s796
8°. Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1s801
9°. Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1s816
10°. Nico Hulkenberg (ALE/Williams-Cosworth), 1s990
11°. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), 2s2027
12°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), 2s031
13°. Vitaly Petrov (RUS/Renault), 2s273
14°. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), 2s351
15°. Paul di Resta (ITA/Force India-Mercedes), 2s544
16°. Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), 2s804
17°. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), 2s892
18°. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), 3s099
19°. Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth), 4s056
20°. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth), 4s234
21°. Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), 5s014
22°. Lucas Di Grassi (BRA/Virgin-Cosworth), 5s710
23°. Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth), 6s014
24°. Sakon Yamamoto (JAP/Hispania-Cosworth), 7s181



 Escrito por Téo José às 08h48 [] [envie esta mensagem] []






Fórmula 1 previsível

Lembra daquele papo do Bernie Ecclestone de que Mônaco era dispensável para Fórmula 1? Pois é, ontem os promotores da prova anunciaram a renovação do contrato por mais 10 anos. A corrida de 2011 já tem até data: 29 de maio.

No fundo, a Fórmula 1 é bastante previsível. Bernie, com certeza, colocou uma quantia maior em sua conta corrente.



 Escrito por Téo José às 09h37 [] [envie esta mensagem] []






Dia

Hoje estou voltando para casa, mais uma vez, ao lado da família, depois de 60 dias longe. Quero desejar apenas um ótimo dia 29 de julho pra vocês.



 Escrito por Téo José às 09h27 [] [envie esta mensagem] []






F-1: treinos chuvosos e corrida ensolarada

O GP da Hungria, no próximo domingo (1/8), deve acontecer com céu limpo e temperatura variando entre os 17ºC e os 27ºC – de acordo com as últimas previsões da Meteorologia. Já a mesma situação não deve ocorrer no sábado, dia 31 de julho, quando a temperatura pode permanecer praticamente a mesma (entre 16ºC e 26ºc), mas o dia será nublado e sujeito a trovoadas durante todo o período.

Na sexta-feira, dia 30 de julho, nos primeiros contatos dos pilotos com a travada pista húngara, outro dia de céu nublado mas sem chances de fortes chuvas – somente mais fraca. A temperatura ficará entre os 16ºC e os 24ºC.

Logo mais, à noite, estarei na Band, ao lado do craque Neto, na transmissão da 1º jogo da decisão da Copa do Brasil entre Santos e Vitória.



 Escrito por Téo José às 09h00 [] [envie esta mensagem] []






Programação do GP da Hungria

O circuito de Hungaroring, em Budapeste, recebe no próximo domingo (1/8) o Grande Prêmio da Hungria – 12ª etapa do Mundial 2010 de Fórmula 1. Quem você acha que larga da pole e vence neste final de semana?

Confira a programação da etapa:

Sexta-feira, 30/7

05h00 às 06h30 – Treino livre 1
09h00 às 10h30 – Treino livre 2

Sábado, 31/7

06h00 às 07h00 – Treino livre 3
09h00 – Classificação

Domingo, 01/8

09h00 - Largada



 Escrito por Téo José às 08h49 [] [envie esta mensagem] []






Palavra do Bernie

Bernie Ecclestone, o “poderoso chefão” da Fórmula 1, está defendendo a Ferrari e as ordens de equipes. Ele aprovou o que foi feito domingo, na Alemanha, e diz que a regra de proibição tem de acabar. Concordo com  a segunda parte, porque sabemos que isto rola e que a punição sempre vai ser branda para dar satisfação à quem não concorda. Virou hipocrisia. Então, libera logo. Evita esse papo de que o resultado pode ser alterado e tal.

Eu continuo com meu pensamento: piloto só deve trabalhar para o time quando não tem mais condições matemáticas de ser campeão. Antes disso, é vergonha. E isto se o regulamento permitir. Hoje não permite, então não se pode ter ordem de equipe. Mas a hipocrisia que vimos no domingo, entre mais de 50% das pessoas da F-1, é coisa feia também.

Jean Todt é o presidente da FIA. Ele cansou de fazer coisas iguais ou parecidas. Por isso, no julgamento do caso, não esperem nada diferente do que está.



 Escrito por Téo José às 11h16 [] [envie esta mensagem] []






Posições distintas

Ontem, na Fórmula 1, vimos o jogo baixo da Ferrari e o esporte sendo atingindo em sua essência. Não foi um bom exemplo. Na Indy, onde também aprontaram para cima do Hélio Castroneves, situação contrária: a Penske deixou a disputa aberta entre seus pilotos depois, com a desclassificação do brasileiro, que ocorreu de forma errada, entrou com protesto, mesmo sabendo que a mudança de resultado prejudicaria Will Power, atual líder do campeonato, também piloto do time.

A Penske sim deu exemplo de como o esporte precisa ser conduzido. No fundo, em um domingo de atitudes ridículas no automobilismo internacional, tivemos algo para elogiar.



 Escrito por Téo José às 09h25 [] [envie esta mensagem] []






Mais uma atitude ridícula, agora contra Hélio

O GP de Edmonton não foi recheado de emoção. O que mais marcou foi a atitude dos comissários desportivos, tirarando a vitória do Hélio Castroneves. O piloto da Penske, no fim da prova, em uma relargada, defendeu sua posição do ataque do Will Power - que havia sido ultrapassado de forma limpa pelo brasileiro. Só os senhores comissários viram algo de errado na manobra do Hélio. Ele defendeu de forma honesta e foi punido injustamente. A vitória ficou com Scott Dixon, que se aproveitou da tentativa do Power e o ultrapassou. Uma pena e um erro enorme. Pisaram na bola e prejudicaram pra caramba o Hélio. Atitude ridícula. Isto sim é ridículo.

* Atualizando: A Penske recorreu da punição, os comissários estão analisando.

* Atualizando 2: Punição mantida, agora não tem mais recurso.

Confira a classificação final do GP de Edmonton, ainda não é oficial.

1. Scott Dixon (Ganassi) - 95 voltas
2. Will Power (Penske) +2.668
3. Dario Franchitti (Ganassi)  +3.283
4. Ryan Briscoe (Penske)   +8.865
5. Ryan Hunter-Reay (Andretti)  +11.148
6. Paul Tracy (KV)  +11.909
7. Mario Moraes (KV)  +16.901
8. EJ Viso (KV)  +18.220
9. Takuma Sato (KV)  +21.558
10. Helio Castroneves (Penske)  +42.601
11. Marco Andretti (Andretti)  + 1 volta
12. Tony Kanaan (Andretti)  + 1 volta  
13. Raphael Matos (De Ferran Dragon)  + 1 volta
14. Bertrand Baguette (Conquest)  + 1 volta
15. Danica Patrick (Andretti)  + 1 volta
16. Vitor Meira (Foyt)  + 2 voltas
17. Hideki Mutoh (Newman/Haas)  + 2 voltas
18. Alex Lloyd (Dale Coyne)  + 3 voltas
19. Tomas Scheckter (Dreyer & Reinbold)  +5 voltas
20. Dan Wheldon (Panther)  + 6 voltas
21. Justin Wilson (Dreyer & Reinbold)  + 7 voltas
22. Simona de Silvestro (HVM)  + 8 voltas
23. Alex Tagliani (Fazzt) - abandonou
24. Mario Romancini (Conquest) - abandonou
25. Milka Duno (Dale Coyne) - abandonou



 Escrito por Téo José às 21h24 [] [envie esta mensagem] []






Roberval vence na F-Truck em Interlagos

 Roberval Andrade com o caminhão Scania  nas cores do Corinthians venceu pela quarta vez em Interlagos e pela segunda vez no ano. Uma prova com um grave acidente entre Diumar Bueno e Bruno Junqueira, um dos mais graves da Truck, os pilotos nada sofreram, o que comprova mais uma vez a segurança da cabine. Os dois modelos ficaram totalmente destruídos. Feli[pe Giaffone terminou em quarto e assumiu a ponta do campeonato. Festa muito bonita, com autódromo lotado. Eu continuo meu domingo. Já, já na Band para gravação do compacto da Indy em Edmonton. Vai ser exibido depois da final do Volei.

1º) 100 - Roberval Andrade (S, SP), 19 voltas em 1:00:27.298 (média de 81,25 km/h)
2º) 73 - Leandro Totti (M , PR), a 2.706
3º) 55 - Paulo Salustiano (V , SP), a 17.793
4º) 4 - Felipe Giaffone (W , SP), a 17.812
5º) 6 - Wellington Cirino (M , PR), a 19.145
6º) 9 - Renato Martins (W , SP), a 19.405
7º) 88 - Beto Monteiro (I , PE), a 19.716
8º) 20 - Pedro Muffato (S , PR), a 23.716
9º) 3 - Geraldo Piquet (M , DF), a 44.003
10º) 50 - Fred Marinelli (I , SP), a 44.683
11º) 77 - André Marques (S , SP), a 44.838
12º) 10 - Vignaldo Fizio (F , SP), a 56.445
13º) 33 - Cristiano Da Matta (I , MG), a 58.129
14º) 7 - Débora Rodrigues (W , SP), a 58.537
15º) 28 - Fabiano Brito (F , PR), a 1:09.504
16º) 14 - João Maistro (V , PR), a 1 volta
17º) 21 - José Cangueiro (M , SP), a 1 volta
18º) 51 - Leandro Reis (S , GO), a 3 voltas
19º) 56 - Danilo Dirani (F , SP), a 3 voltas
20º) 23 - Adalberto Jardim (V , SP), a 7 voltas
21º) 46 - Andersom Toso (F , RS), a 8 voltas
22º) 2 - Valmir Benavides (W , SP), a 11 voltas
23º) 11 - Diumar Bueno (V , PR), a 14 voltas
24º) 8 - Bruno Junqueira (F , MG), a 14 voltas
25º) 12 - José M Reis (S , GO), a 15 voltas

Melhor Volta: Leandro Reis, 2:03.465 (125,64 km/h)



 Escrito por Téo José às 15h26 [] [envie esta mensagem] []






Uma vergonha

Não sou puritano, ingênuo ou hipócrita. Mas sempre encarei (e encaro) o esporte como exemplo. Hoje, mais uma vez, a equipe Ferrari foi nojenta. Depois de uma luta aberta e limpa entre Fernando Alonso e Felipe Massa na pista - que o espanhol classificou de ridícula. Já vimos Alonso envolvido em outras armações. Hoje, pudemos foi o "vale a pena ver de novo".

Não vou ficar perdendo tempo aqui. Já me senti muito babaca narrando várias voltas e elogiando a categoria. Por isso mesmo, pela primeira vez, não usei o "Não Perde Mais".

Acho que existem indícios suficientes para um protesto contra essa ordem de equipe (proibida da F-1). Mas, claro, não vai dar em nada. Que as equipes pelo menos se posicionem. Felipe Massa não pôde fazer nada, já que tem um contrato cheio de cláusulas. Se tivesse que fazer alguma coisa, teria que ser antes da assinatura.

Bom domingo à todos e as 14h00 estou na Band com a F-Truck.



 Escrito por Téo José às 11h06 [] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]